Blog Widget by LinkWithin
Connect with Facebook

sábado, 28 de março de 2009

Ola, ¿Que tal?

Sabes hablar español? Ou hablas catalano, como se dice por aqui? Muitos de nós fingimos compreender e falar espanhol, embora não saibamos coisíssima nenhuma.


Se passa que o mesmo acontece com los hermanos que (in)tentam hablar português como se o soubessem. Abaixo, um vídeo publicitário da operadora móvel argentina Personal que ironiza a comunicação dos povos latinos. Eles falam, nós fingimos que entendemos e eles fingem que ficou tudo acertado.

O que tenho a dizer? Maldito Tratado de Tordesilhas que dividiu a América do Sul em duas babéis linguísticas e que nos isolou como o único povo do continente a hablar português. Tenho vontade montar numa lhama e sair a galope!



6 Comentários:

La Voyageuse disse...

Red,


Aqui em Montreal, o Tratado de Tordeilhas tambem deixou seu rastro. Hoje, estava num cafe com uma francesa, uma indiana e um americano. Quando disse que eu era brasileira, logo alguem me perguntou: hablas espanol? E eu, como muitos brasileiros, respondi: Si, un poquito. Porque vc sabe, nos sempre falamos um pouquinho do espanhol, ne?

Besos

Anônimo disse...

Cuidado com Aquilo que desejamos! veja só:


"As lhamas vivem na Cordilheira dos Andes, onde as temperaturas são baixas...Assim, as pelagens servem para protegê-los do frio, além de proteger seu corpo de arranhões e outros ferimentos.As lhamas são conhecidas pelo seu estilo calmo, muitas vezes andando devegar, porém podem se irritar facilmente, assim foi considerado o oitavo animal mais furioso do mundo, segundo o canal Animal Planet. Cuidado, se você vir uma Lhama furiosa, é bom cobrir a cara - esses animais podem cuspir uma saliva cheia de NaOH(soda cáustica)+PeGaS(pelo de gatinhos selvagens).

Essas informaçãoes demonstram a falta de informações do homem sobre essa espécie superior."

in Discipédia

??!!!!... ahahahahahahah

não lhama Lhama não... eu heim?

Anônimo disse...

"mea culpa"...bem, minha não...dos que assinaram o tratado.Mas, se queres que te diga, ainda bem que existe esse enclave de português, só assim podemos valorizar a nossa língua e esforçarmo-nos por aprender outras!No entanto, compreendo-te esta tendência não é só vossa, por cá nós também temos a mania de que sabemos "hablar" e depois fazemos figuras bonitas como aquelas da publicidade.

Viva à diversidade

Beijos

Ana

Redneck disse...

La Voyageuse, a verdade é que o brasileiro tem uma estranha tendência de se achar multilíngue e querer falar até mandarim e árabe, se preciso for. O resultado é cômico e torna tudo ainda mais confuso. Gostei de falar com você hoje. Beijo!

Redneck disse...

Anônima, do seu comentário me veio a inspiração para o meu Rugido de hoje. E, por favor, não entenda como uma cusparada. É apenas uma auto-avaliação ou autocrítica. No final das contas, não resisti e llamei a lhama. Beijo!

Redneck disse...

Ana, quando eu estive na Espanha, em conversa um um taxista, ele se surpreendeu quando citou o Tratado de Tordesilhas e eu lhe falei o que achava. Ele disse algo parecido com o que você acabou de escrever. Mas, acho que concordo com você. Se assim não fosse, não estaríamos, você e eu, a nos correspondermos como o fazemos. E também não teríamos esse estranho ímpeto de nos fazermos entendermos nem que seja por uma confusão de signos. Beijo!

Autor e redes sociais | About author & social media

Autor | Author

Minha foto
Redneck, em inglês, define um homem rude (e nude), grosseiro. Às vezes, posso ser bem bronco. Mas, na maior parte do tempo, sou doce, sensível e rio de tudo, inclusive de mim mesmo. (Redneck is an English expression meaning rude, brute - and nude - man. Those who knows me know that sometimes can be very stupid. But most times, I'm sweet, sensitive and always laugh at everything, including myself.)

De onde você vem? | From where are you?

Aniversário do blog | Blogoversary

Get your own free Blogoversary button!

Faça do ócio um ofício | Leisure craft

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!

NetworkedBlogs | NetworkedBlogs

Siga-me no Twitter | Twitter me

Quem passou hoje? | Who visited today?

O mundo não é o bastante | World is not enough

Chegadas e partidas | Arrivals and departures

Por uma Second Life menos ordinária © 2008 Template by Dicas Blogger Supplied by Best Blogger Templates

TOPO