Blog Widget by LinkWithin
Connect with Facebook

quinta-feira, 14 de agosto de 2008

Rastreio de Cozinha - 90


A despeito de eu ter recebido a mensagem de que meu texto é "pro-lixo", não vou - nem a mim ou ao blog - me colocar na condição de dejeto. Continuarei prolixo, conciso, pedante, arrogante e o que mais o(a) leitor(a) quiser (ou não). Escrevo o que quero, quando quero e da forma e extensão que se me dá na cachola. Como jornalista, estou exausto do aprisionamento a que sou submetido na forma, conteúdo e prazo. Aqui foi o espaço que encontrei para me livrar de todos as condições e exigências profissionais e não pretendo fazer de forma diferente, ainda que eu tenha uma atitude bipolar que varie entre o "convidativo" e "ofensivo".


Este é um espaço público e, portanto, aberto e receptivo ao outro. Nunca me esquivo de confrontos ou idéias diferentes. Por intermédio do blog, já debati muito em espaços off-blog. Me exponho o bastante para saber que estou sujeito a pedradas no meio do caminho e mesmo a críticas. Sou bastante democrático para publicar qualquer comentário que seja, ainda que não me agradem particularmente.


Me recordo da época retratada no livro "O Nome da Rosa" e da atitude da igreja que ocultava livros aos quais somente os padres tinham acesso: se tenho acesso a uma determinada informação e você não, logo, sei mais do que você e estou em vantagem. Normalmente, é assim. Creio que o Index Librorum Prohibitorum foi, como muitos movimentos históricos, uma tentativa de cegar as pessoas para um saber que as tornaria um pouco mais esclarecidas e, portanto, cônscias do fato de ser, efetivamente, livres.

Assim, continuarei a escrever qualquer coisa que seja, ainda que todos os posts e cada um esteja fechado em torno de um "tema quase exclusivo" o qual não consigo atinar o quê exatamente pode significar. Será que me levo ou me levam tão a sério mesmo? Será que sou uma tecla repetitiva, um cuco tresloucado que pia as badaladas todas numa repetição infernal do tempo?


Sei que me excedo, mas, por enquanto, não há limite de toques/caracteres, não há restrições quanto aos assuntos, não há nada que me impeça de, diabolicamente, começar a digitar conforme o fluxo de consciência me determina, com o cérebro a ordenar e os dedos a obedecerem, operários, formigas que cavucam em vão esta terra que há de me comer os olhos e tudo o mais, e nada mais será dito, escrito ou lido. Que a cegueira chegará a todos nós, irmanamente, sem perdão, que não o espero.


Adoro escrever. Fiz disso o meu ofício e a minha profissão. Antes, de fé. Depois, por obrigação. Agora, produzo textos industriais, feito um tecelão que deixou de ser artesanal e mudou-se para a linha de produção para apenas apertar os botões certos. Para me equilibrar nessa corda tão fina que pode romper, escolho escrever livremente neste espaço. Porque posso.

OK. Deixo de lado esse interlúdio para voltar (ou continuar, a depender da ótica) no "tema quase exclusivo" do blog, qual seja, a gastronomia. Nesta quinta-feira, tivemos aulas das disciplinas de Marketing e Empreendedorismo e de Projetos II (vulgo TCC).

Quase que exclusivamente (exceto nas aulas de sexta-feira), teremos apenas aulas teóricas - cinco disciplinas voltadas à elaboração e entrega do Tentativa de Cabar Comigo. O TCC deve se revelar em toda a sua glória neste último semestre, para o bem e para o mal.

As aulas de marketing rechearão o Trabalho de Conclusão de Curso de novas informações, ao passo que as aulas de Projetos II darão forma final ao TCC. Infelizmente, as turmas que se formam este ano estão fora da nova orientação da faculdade que intercalará aulas práticas com aulas teóricas de tal forma que, ao se chegar ao quarto módulo, o aluno não tenha a sensação (como a temos atualmente) de cursar tudo, exceto gastronomia.


Ainda que eu não goste do formato da grade, não depende da minha vontade alterá-lo. Terei que me reunir ao rebanho sob pena de ser nomeado uma ovelha negra e, no momento, não preciso e tampouco quero balir de forma estridente. Tem hora para tudo, até para ser enviado "pro lixo".

4 Comentários:

La Voyageuse disse...

Ta falando serio que disseram isso do seu texto, do conteudo, do que vc aborda no SEU blog?????

Bjo

andarilha disse...

Red,

receba o cafuné dos amigos.

Bem, mas você - justo você - esqueceu que hoje é dia do solteiro? Na página do UOL de hoje tem uma nota sobre o assunto. Fala das agências que promovem encontros e viagens e chega ao cúmulo de dizer o formato mais comum é "um 'fim de semana temático', cujo objetivo é uma espécie de desencalhe em massa."

Essa é boa: desencalhe em massa! Encaras?

bjs.

Denise disse...

Se o que vc escreve em seu blog é pro-lixo, então eu sou um verdadeiro abutre!!
Adoro seus textos.

Redneck disse...

La Voyageuse, de fato, o blog não é só meu. Posso pensar que escrevo apenas para mim, mas, ao abri-lo, me abro para o mundo, com o seu melhor e o seu pior. Beijo!

Andarilha, recebo ronronando o cafuné dos amigos. Quanto ao Dia do Solteiro, não me fiz de rogado. Beijo!

Denise, agora, sim, vou ficar feito pinto em poça de chuva e me refestelar feito um porquinho na lama. Continue a sobrevoar este monte de sujeira por aqui. Beijo!

Autor e redes sociais | About author & social media

Autor | Author

Minha foto
Redneck, em inglês, define um homem rude (e nude), grosseiro. Às vezes, posso ser bem bronco. Mas, na maior parte do tempo, sou doce, sensível e rio de tudo, inclusive de mim mesmo. (Redneck is an English expression meaning rude, brute - and nude - man. Those who knows me know that sometimes can be very stupid. But most times, I'm sweet, sensitive and always laugh at everything, including myself.)

De onde você vem? | From where are you?

Aniversário do blog | Blogoversary

Get your own free Blogoversary button!

Faça do ócio um ofício | Leisure craft

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!

NetworkedBlogs | NetworkedBlogs

Siga-me no Twitter | Twitter me

Quem passou hoje? | Who visited today?

O mundo não é o bastante | World is not enough

Chegadas e partidas | Arrivals and departures

Por uma Second Life menos ordinária © 2008 Template by Dicas Blogger Supplied by Best Blogger Templates

TOPO