Blog Widget by LinkWithin
Connect with Facebook

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Rastreio de Cozinha - 150


Das 10 horas da manhã até as 19:00 horas desta quinta-feira fiz uma única atividade ininterrupta: o TCC, Trabalho de Conclusão de Curso que:

1. Dá trabalho
2. Por mais que se chegue a conclusões - foram três, até aqui -, sinto que não há fim
3. É um curso de se fazer, na medida em que uma das acepções da palavra "curso" é "evacuação alvina (do intestino) do homem, normal ou patológica"


Dado que, definidas as palavras com seus reais significados, o Trabalho de Conclusão de Curso pode ser literalmente traduzido para "A obrigação de se fazer algo sem fim provoca desarranjo intestinal". Não sei se é por aí, mas, o que você acha?

O TCC, por mais que eu proclame loas de desespero e ranger de dentes, ao fim e ao cabo, terá que ser entregue completinho. É a única atividade que reprova você numa faculdade. As demais disciplinas aceitam de um tudo: dependência (DP), provas substitutivas, conversas de convencimento junto a professores compreensivos e até mesmo a troca efetiva de conhecimento entre um - professor - e outro - aluno, com benefícios de um lado e outro.


Mas, o TCC não perdoa. Se você for reprovado no TCC, perde o ano inteiro. Tem que refazê-lo ou se excomungar de vez. O TCC é uma das exigências do Ministério da Educação para cursos de pós-graduação Lato sensu (sentido amplo, em latim) e pode ser apresentado de várias formas, conforme o curso ou as normas da instituição.


A Resolução 01/2007 CES/CNE/MEC estabelece que cursos desse tipo devem ter duração mínima de 360 horas (o meu tem ao todo 1.600 horas), com algumas dessas horas reservadas obrigatoriamente para elaboração do TCC. O TCC não é a mesma coisa que monografia. De qualquer jeito, o TCC pode assumir variadas formas: artigos, seminários, estudos de caso, projetos e documentários. Mas, sempre é uma escolha da instituição, e não do aluno.

Todo TCC deve se enquadrar nas Normas Brasileiras de Redação (NBR), da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT). Os itens do TCC são, dessa forma, pré-determinados. E tanto o são que seguimos roteiros específicos. Claro, temos alguma flexibilidade. Porém, o que consta em roteiro é obrigatório.


E qual é a importância do TCC, além de causar dor de barriga (em alguns casos, próximos, isso é mais do que força de expressão; diria que é outro tipo de força, inclusive)? O TCC encerra, em tese, o conhecimento absorvido e acumulado durante o curso e, para que esse conhecimento seja provado, o TCC o reconstrói, lhe dá forma e o torna público. Compartilha o aprendizado, que é o fim de uma universidade, afinal: transmitir conhecimento.

Nós, alunos, dividiremos por meio do TCC tudo o que acumulamos de saber nesses dois anos. O TCC tornará-se público, acessível a qualquer pessoa que queria ler e saber o que fizemos, afinal, com dois anos de faculdade de gastronomia.


Pois, por mais que eu brigue e xingue o Tentativa de Cabar Comigo, as 100 páginas obrigatórias de todo o projeto final (estamos com 85 páginas prontas) é, de forma resumida, o resumo de nossa vida acadêmica. Claro que lá não estarão estampadas as centenas de produções que fizemos no decorrer desses dois anos. Afinal, sou estudante de gastronomia, e não de fotografia.

Mas, minha faculdade também inclui gerenciamento de restaurante. Donde que todo o conhecimento para gerenciar um estabelecimento do princípio ao fim e, inclusive, para criar e vender ao mercado um projeto de um restaurante ou qualquer outro empreendimento afim, todo esse conhecimento está contido no TCC.


Para minha felicidade, nesta quinta-feira passamos por mais duas disciplinas - Marketing e Projetos Interdisciplinares II. Ambos os professores gostaram do resultado até aqui e não tiveram muitas críticas ao que está pronto.


Falta pouco agora. É só voltar o foco para o TCC e concluí-lo. Terminar o que não tem fim. E acabar de vez com o curso de gastronomia e outros cursos gratuitamente adquiridos ao longo do processo.

2 Comentários:

La Voyageuse disse...

Red,

Mas se 85 paginas estao prontas, o que tanto falta ainda para terminar? Vocês terao de apresentar o Tentativa de Cabar Comigo a uma banca com todos os integrantes do seu grupo? Quando sera?

Beijo, boa sorte e coragem nessa reta final

Redneck disse...

La Voyageuse, faltam 15 páginas. E você já passou por isso. Sempre faltam ajustes. São 6 matérias que fazem parte do TCC. Imagine ajustar tudo isso para se chegar ao que cada um dos seis quer. E, sim, teremos banca e tudo o mais. Mas, por enquanto, deixa eu terminar o trabalho escrito. A apresentação deixo para depois. Beijo!

Autor e redes sociais | About author & social media

Autor | Author

Minha foto
Redneck, em inglês, define um homem rude (e nude), grosseiro. Às vezes, posso ser bem bronco. Mas, na maior parte do tempo, sou doce, sensível e rio de tudo, inclusive de mim mesmo. (Redneck is an English expression meaning rude, brute - and nude - man. Those who knows me know that sometimes can be very stupid. But most times, I'm sweet, sensitive and always laugh at everything, including myself.)

De onde você vem? | From where are you?

Aniversário do blog | Blogoversary

Get your own free Blogoversary button!

Faça do ócio um ofício | Leisure craft

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!

NetworkedBlogs | NetworkedBlogs

Siga-me no Twitter | Twitter me

Quem passou hoje? | Who visited today?

O mundo não é o bastante | World is not enough

Chegadas e partidas | Arrivals and departures

Por uma Second Life menos ordinária © 2008 Template by Dicas Blogger Supplied by Best Blogger Templates

TOPO