Blog Widget by LinkWithin
Connect with Facebook

sábado, 22 de agosto de 2009

Ida e uma ida ao salão de cabelereiro

De tempos em tempos, os palenteologistas encontram algum artefato ou, mais importante, um fóssil humano a que denominam como o mais recente "elo perdido". Há vários, os elos perdidos, entre nós e nossos presumíveis ancestrais. Não conseguimos explicar exatamente a nossa origem. Quando começamos, qual foi o momento mágico (ou, conforme a perspectiva, trágico) que nos originou e ao que somos hoje como (in)civilização.

Melhor, como legado do processo evolutivo, posto que somos como Vinícius Moraes declamou: 'eterno enquanto dure'. Porque acredito que, posto que chamas, seremos eternos somente enquanto durarmos como linhagem. Depois, algum outro ser mais preparado para a(s) próxima(s) etapa(s) ocupará nosso lugar neste (Terra) ou em outros mundos.


Ida é uma senhora idosa. Talvez seja, até agora, a senhora mais idosa sobre a qual ouvi falar. Para ser exato, há 95% de chance de Ida ter 47 milhões de anos. Ida é um fóssil. Depois de dois anos de estudos, uma equipe internacional de cientistas a revelou ao mundo. A diferença entre este elo e outros é que o notável estado de preservação de Ida permite uma visão sem precedentes sobre a evolução humana.

Ida foi encontrada em Messel Pit (lago), na Alemanha, e situa-se no período de primatas antropóides - o grupo que, mais tarde, evoluiria para os seres humanos e macacos, segundo a tese de Darwin. A descoberta, como outras anteriores, preenche uma lacuna de extrema importância no estudo da evolução humana e de primatas. Os cientistas falam extasiados sobre Ida, conforme este link (em inglês).


O primata Ida foi descoberto por acaso, em um encontro casual com traficantes de fósseis (sim os há, assim como os há também de órgãos humanos - não há paz para vivos e tampouco para os mortos). Ida estava escondida do mundo há 25 anos em uma coleção particular.

A análise do fóssil pelos modernos meios de que dispõem os cientistas confirma que o primata tem 47 milhões de anos. Viveu no início do Eoceno Médio, após a extinção dos dinossauros, o que possibilitou a expansão dos mamíferos. Datam desse período, por exemplo, o início da formação do Himalaia, e o aparecimento de animais como cavalos, morcegos e baleias.

A importância de Ida, além de ser encontrada no território da Europa (e não na África), está no fato de o fóssil ser um dos mais completos primatas já encontrados. Outras descobertas anteriores encontraram apenas fragmentos: pedaços de dentes e da mandíbula. "Lucy", por exemplo, de 3,2 milhões de anos, tem apenas 40% do esqueleto original.


Ida, ao contrário, tem uma marca de tecido mole e contorno de peles, além de vestígios da última refeição. Originalmente, pensou-se que Ida era um lêmure primitivo. Mas testes comparativos revelam que o fóssil tem características antropóides (humanos e primatas). Ou seja, Ida é uma espécie de transição entre os primatas primitivos e a linhagem humana.

A face tem os olhos virados para a frente (ao contrário do rosto longo do lêmur), unhas (e não garras) e dentes similares aos dos macacos. As mãos têm cinco dedos, com aparência humana e polegares opositores. Exames com raios-X e tomografia computadorizada revelaram a idade, sexo e dieta de Ida. A identificação do fóssil como sexo feminino deve-se à ausência do báculo, que é um osso do pênis.

Os raios-X e tomografias mostraram também que Ida tinha o pulso esquerdo fraturado, o que pode ter contribuído para a sua morte. Ela teria morrido (são conjecturas) inconsciente (por conta da fratura) e teria escorregado para o fundo do Lago Messel, cujas condições (dióxido de carbono) permitiram a sua fossilização por 47 milhões de anos.


No Brasil, o canal de TV pago History Channel deve apresentar o documentário "Ida" no dia 31 deste mês, conforme consta na grade de programação no site do canal.

Agora, o inusitado, se é que um ancestral de 47 milhões de anos não tenha lhe causado espanto. Você conhece algo mais prosaico e sem profundidade que conversas de salão de cabelereiro?

Em geral, no salão, ficamos mais abertos, completamente à vontade, em estado de graça mesmo porque há outras pessoas que ali estão para cuidar de nós. Tem coisa mais prazerosa do que cuidar de si mesmo? Melhor, do que cuidar de si mesmo e fazê-lo por meio de terceiros? Pois foi no salão que uma cliente me falou de tudo isso, do nada. Justamente para mim, que estou a ler um livro extremamente envolvente sobre a evolução humana.

O que me remeteu ao inusitado da situação é que Ida jamais imaginou que, 47 milhões de anos depois, a evolução consistiria em uma ida ao salão para queimar nossos pelos sobreviventes (cabelos) com escovas, secadores e produtos químicos de toda a espécie para que nossa auto-estima receba um pequeno upgrade. Ida fez por bem mergulhar nas profundezas do lago e por lá permanecer, não é?

2 Comentários:

pinguim disse...

Só tu para conseguir conciliar duas coisas quase inconciliáveis, mas fica com lógica o texto...
Abraço.

Redneck disse...

Pinguim, é isso que me acomete quando passo muito tempo no salão: perco neurônios e as sinapses se atrapalham mais do que nunca. Abraço!

Autor e redes sociais | About author & social media

Autor | Author

Minha foto
Redneck, em inglês, define um homem rude (e nude), grosseiro. Às vezes, posso ser bem bronco. Mas, na maior parte do tempo, sou doce, sensível e rio de tudo, inclusive de mim mesmo. (Redneck is an English expression meaning rude, brute - and nude - man. Those who knows me know that sometimes can be very stupid. But most times, I'm sweet, sensitive and always laugh at everything, including myself.)

De onde você vem? | From where are you?

Aniversário do blog | Blogoversary

Get your own free Blogoversary button!

Faça do ócio um ofício | Leisure craft

Está no seu momento de descanso né? Entao clique aqui!

NetworkedBlogs | NetworkedBlogs

Siga-me no Twitter | Twitter me

Quem passou hoje? | Who visited today?

O mundo não é o bastante | World is not enough

Chegadas e partidas | Arrivals and departures

Por uma Second Life menos ordinária © 2008 Template by Dicas Blogger Supplied by Best Blogger Templates

TOPO